Pesquisar este blog

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Confraternização

No dia 11 de dezembro - sábado último - aconteceu mais uma edição do já famoso e tradicional Carurú, oferecido por Angélica, esposa do nosso irmão Jay. Como sempre, o evento foi muito animado inclusive com a presença de todos os integrantes do Moto Grupo Macho Lascador do Asfalto, com suas esposas e filhos, demonstrando mais uma vez a união desta família de nobres motociclistas

Agradecemos a Deus por todos os acontecimentos deste ano que se passou, os momentos de alegria, os momentos de conquistas e tb os momentos difíceis. Temos plena certeza que foram provações para refletirmos sobre nossas atitudes diante do próximo e reafirmar a união do nosso grupo.



Que venha 2011

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

ANIVERSÁRIO DOS MOTO GRUPOS - MACHO LASCADOR DO ASFALTO E CACHORRO LOUCO DO ASFALTO



Estamos convidando todos os irmãos motociclistas para o Aniversário dos Moto Grupos MACHO LASCADOR DO ASFALTO E CACHORRO LOUCO DO ASFALTO, que será realizado no dia 06 de fevereiro de 2011, em Feira de Santana - Ba, ao lado da MM Motos Concessionária Suzuki.

Este evento em comemoração ao nosso Aniversário, servirá também para arrecadação de donativos para ser doada a entidade carente de nossa cidade.

Contamos com a presença de todos os irmãos para o sucesso do nosso evento.


PROGRAMAÇÃO
Dia 06 de Fevereiro de 2011

• Recepção aos motociclistas a partir das 9.30hs
• Inscrição de moto grupos e premiação surpresa para os primeiros inscritos
• Duas bandas ao vivo com repertório variado
• Lavagem de motos gratuitas e regulagem de correntes para motocicletas
• Feijoada 0800 para todos os participantes
• Sorteio de brindes diversos

Apoio:





terça-feira, 27 de julho de 2010

Dia do Motociclista

Estranho Personagem, esse tal de Motociclista

Difícil crer que seja possível preferir o desconforto de uma motocicleta, onde se fica instavelmente instalado sobre um banquinho minúsculo, tendo que fazer peripécias para manter o equilíbrio e torcendo para que não haja areia na estrada.

Como podem achar bom transportar o passageiro, dito garupa, sem nenhum conforto ou segurança, forçando o coitado a agarrar-se à pança do motociclista, sujeitando ambos a toda sorte de desconfortos, como chuva, ou mesmo aquela "ducha" de água suja jogada pelo carro que passa sobre a poça ao lado, ou de ficarem inalando aquele malcheiroso escapamento dos caminhões em uma avenida movimentada como a marginal Tietê, por exemplo, sem falar da necessidade de se utilizar capas, casacos e capacetes, mesmo naqueles dias de calor intenso.

Isso tudo enquanto convivemos numa época em que os automóveis nos oferecem toda sorte de confortos e itens de segurança. Ar-condicionado, que permite que você chegue ao trabalho sem estar fedendo e suado; "air bags", barras laterais, cintos de três pontos, etc., que conferem ao passageiro uma segurança mais do que necessária; som ambiente; possibilidade de conversar com os passageiros (OS passageiros...) sem ter que gritar e assim por diante.

Intrigante personagem, esse tal de motociclista.

Apesar de tudo o que disse acima, vejo sempre em seus rostos um estranho e particular sorriso, que não me lembro de haver esboçado quando em meu carro, mesmo gozando de todas as facilidades de que ele dispõe.

Passei, então, a prestar um pouco mais de atenção e percebi que, durante minhas viagens, motociclistas, independente de que máquinas possuíssem, cumprimentavam-se uns aos outros, apesar de aparentemente jamais terem se visto antes daquele fugaz momento, quando se cruzaram em uma dessas estradas da vida.

Esquisito...

Prestei mais atenção e descobri que eles frequentemente se uniam e reuniam, como se fossem amigos de longa data, daqueles que temos tão poucos e de quem gostamos tanto.

Senti a solidariedade que os une. Vi também que, por baixo de muitas daquelas roupas de couro pesadas, faixas na cabeça, luvas, botas, correntes e caveiras, havia pessoas de todos os tipos, incluindo médicos, juízes, advogados, militares, etc. que, naquele momento, em nada faziam lembrar os sisudos, formais e irrepreensíveis profissionais que eram no seu dia a dia. Descobri até alguns colegas, a quem jamais imaginei ver paramentados tão estranhamente.

Muito esquisito...

Ao conversar com alguns deles, ouvi dos indizíveis prazeres de se "ganhar a estrada" sobre duas rodas; sobre a sensação deliciosa de se fazer novos amigos por onde se passa; da alegria da redescoberta do prazer da aventura, independente da idade; e da possibilidade de se ser livre e alegre, rompendo barreiras que existem apenas e tão somente em nossas mentes tão acostumadas à mediocridade.

Vi, ouvi e meditei sobre o assunto. Mudei a minha vida...

Maravilhoso personagem, esse tal de motociclista.

Muitas motos eu tive, mas jamais fui um verdadeiro motociclista, erro que, em tempo, trato agora de desfazer.

Mais que uma nova moto, a moto dos meus sonhos.

Mais que apenas uma moto, o rompimento dos grilhões que a mim impunham o medo e o preconceito e que por tanto tempo me impediram de desfrutar de tantas aventuras e amizades.

Quem sabe o tempo que perdi e as experiências que deixei de vivenciar.

Se antes olhava-os com estranheza, mesmo sendo proprietário de uma moto (mas não um motociclista) , vejo-os agora com profunda admiração e, quando não estou junto, com uma deliciosa pontinha de inveja.

O interessante, é que conheço pessoas que jamais possuíram moto, mas que estão em perfeita sintonia com o ideal motociclista.

Algumas chegam até mesmo a participar de encontros e listas de discussão, não que isto seja imprescindível ou importante. O que importa é a filosofia envolvida.

Hoje, minha garupa e eu, montados em nossos sonhos, planejamos, ainda timidamente, lances cada vez maiores, sempre dispostos a encontrar novos velhos amigos, que certamente nos acolherão de braços abertos.

Talvez, com um pouco de sorte, encontremos algum motorista que, em seu automóvel, note e ache estranho aquele personagem que, passando em uma motocicleta, com o vento no rosto, ainda que sob chuva ou frio, mostre-se alheio a tudo e feliz, exibindo um largo e incompreensível sorriso estampado no rosto.

Quem sabe ganharemos, então, mais um irmão motociclista para o nosso grupo.

Fernando Drummond



Parabéns a todos os irmãos motociclistas, que o ser Supremo - independente do nome que cada um dá a ele - possa nos abençoar para que tenhamos saúde e vitalidade para "Ganhar muitas estradas" conhecendo novos lugares e fazendo novas amizades.

Confiram as fotos do Passeio em comemoração ao Dia do Motociclista aqui em Salvador-Ba.

terça-feira, 25 de maio de 2010

AÇÃO SOCIAL DOS MOTOCICLISTAS DE FEIRA DE SANTANA

                                    
Participe você também. Seja Solidário!


Dia 13 de Junho de 2010 foi um dia muito especial para as crianças do Orfanato Evangélico em Feira de Santana. Reunimos verdadeiros irmão do motociclismo, em torno de uma deliciosa feijoada, para levar um pouco de solidadriedade aquelas crianças. Estiveram presente em nosso evento, motociclistas de Salvador, Alagoinhas, Catu, Mata de São João, Pojuca Serrinha, Teoflandia, Conceição do Jacuipe, entre outros, além do grande apoio dos motociclistas de nossa cidade que estiveram a todo momento colaborando com generosas doações no local do evento. Agradecemos especialmente aos integrantes do Estradeiros da Princesa do Sertão que estiveram presentes neste ato solidário.
Parábens aos Fuleiros do Asfalto, Patifes do Asfalto e Cachorro Louco do Asfalto que junto a nós do Macho Lascador formaram uma grande força em prol do acontecimento deste ato. Grandes amigos, sem o apoio e o trabalho incansável de vocês nada disso seria possível.
Que Deus possa nos dar  muitos quilômetros ainda por essa vida para que possamos repetir essas ações.

Confiram mais este sucesso através das fotos do evento!



 

 
 
 
 

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Parabéns pra você!

Dia 11 estivemos presentes à Churrascaria Tourão Grill, para prestigiar nossa amiga Angélica, esposa do nosso companheiro Jay, em seu Aniversário. Estiveram presentes familiares e amigos. Parabéns, muita saúde, paz, sucesso e muitos km pra rodar. É o que desejam todos os integrantes do Macho Lascador do Asfalto

segunda-feira, 22 de março de 2010

5ª edição Motofestival de Salvador

Aconteceu nos dias 19 a 21 de março a 5ª edição do Motofestival de Salvador, e nós fomos conferir, relaxar um pouco, colocar o papo em dias e rever alguns amigos.




video

domingo, 21 de março de 2010

9º Encontro Nacional de Motociclismo em Jequié

O 9º Encontro Nacional de Motociclismo, organizado pelo Jequié Moto Estrada foi muito legal, muita moto, muitos visitantes de todo o país. Fizemos um passeio a uma cachoeira que fica próximo a cidade, bom trecho de asfalto e lindas paisagens, mas pra chegar até a Cachoeira Encantada, pegamos um bom trecho de chão, que nossas máquinas começaram a reclamar (e nós também), mas valeu o esforço, o lugar é muito bonito e deu pra relaxar um pouco. Lá ocorreu o batizado de mais dois membros do nosso Motogrupo e um membro mirim. Confiram esta aventura.

Batizado do Macho Lascador do Asfalto

video

sexta-feira, 12 de março de 2010

Quem somos

Ser MACHO LASCADOR é: Ter caráter, respeitar e se fazer respeitado, estar consciente dos seus atos, ser competente no que faz, zelar pelo nome que tem e fazer jus ao da família, ser um bom exemplo para os filhos arcar com as responsabilidades que lhe são postas.
Ao contrário do que pensam alguns motociclistas "tradicionais", nós somos um grupo de amigos motociclistas que buscam integrar a familia ao meio motociclístico, através de viagems, passeios e reuniões familiares.